Manual Técnico de Manejo do Cocho

 

     Os cochos e produtos Prático são extremamente fáceis de se utilizar. Além de facilitar o trabalho de abastecimento e manejo de cochos, sobra tempo para o funcionário realizar outros serviços dentro da propriedade, isso devido ao reservatório ter uma boa capacidade, o suplemento não molhar com a chuva, ser fácil o deslocamento do cocho até outro ponto entre outras inúmeras qualidades.

 

     Após o desembarque dos cochos na propriedade, é necessário que, enquanto guardado, os produtos fiquem em lugar coberto e empilhado da mesma forma que estava em cima do caminhão.

 

Para começar a utilização, é necessário montar a base (colocação de duas tábuas laterais e duas vigotas na parte de baixo); depois que os parafusos estiverem apertados, coloca-se o cocho em cima da base e em seguida, a tampa. Para fixação da tampa, se utiliza dois pinos de ferro redondo e uma trava que irá do lado oposto dos pinos. Depois de realizar esse trabalho, o cocho está pronto para ser levado pela plataforma de transporte até o respectivo pasto.

 

     É importante que os parafusos da base sejam reapertados nos dois primeiros meses de uso, assim a base ficará bem firme, não havendo problemas caso o parafuso não dê mais aperto e evitando que o cocho fique em cima de uma estrutura suscetível a cair. Outro manejo para evitar que o cocho eventualmente tombe é mudá-lo de lugar constantemente dentro do pasto (pelo menos uma vez por mês), Assim não criará atoleiro ao redor do cocho, o pasto ficará menos danificado e diminuirá os riscos do cocho sofrer avarias. 

 

     No primeiro abastecimento, é fundamental que se coloque dois pedaços de madeira na boca de saída do sal em ambos os lados, a finalidade disto é impedir que o sal saia todo de uma vez, evitando que quando abastecido, o sal desça demais e acabe ocupando toda a área que o animal utiliza para lamber. Na pratica, o sal forma um ângulo de 20° na boca de saída. A própria saliva do animal ajuda o sal a permanecer neste ângulo. 

 

     Após o primeiro ano de uso, é importante que se faça calafetação dos encaixes e fissuras que eventualmente podem surgir na madeira. Sugerimos que esta calafetação seja realizada no primeiro e segundo ano de uso. Para vedação, indicamos uma mistura de cola normal e pó de serra fino até formar uma massa pastosa. Essa massa pode ser aplicada com ajuda de uma espátula atentando em preencher bem as fissuras.  Esse manejo é importante para preservar a madeira e aumentar a vida útil do cocho. Também é recomendado que o cocho seja pintado pelo menos a cada 5 anos.

 

Quanto ao cercado creep-feeding, no momento da instalação, é importante que se coloque algumas escoras (estacas), nas laterais pelo lado de dentro do cercado, Isso evita que os animais adultos forcem e entortem as laterais do cercado. Como manutenção, é importante que o cercado seja pintado pelo menos a cada dois anos.

 

A garantia que a empresa fornece em relação aos produtos são:

• Um ano de garantia para qualquer problema de fabricação,

• Recompra de produtos usados de qualquer idade.

 

     Além da recompra, também trabalhamos com o serviço de reforma e manutenção de cochos. Tanto podemos enviar uma equipe até a propriedade para reforma, quanto trazer os cochos para serem reformados dentro da nossa empresa.